Tragédia!

Adolescente é apreendida suspeita de matar amiga com 35 facadas

“A investigação ainda não acabou. A princípio, não há registros que identifique um partícipe, mas ainda faltam algumas etapas para a conclusão do inquérito. Ela será autuada por ato infracional análogo a homicídio por motivo fútil. Enquanto isso, ela continua apreendida na delegacia”, finalizou o delegado.

11/03/2020 19h06
Por: Redação
Fonte: Mais Goias
2.949
Emanuelle Souza Batista é vítima de esfaqueamento em Rio Verde — Foto: Polícia Civil de Goiás/Divulgação
Emanuelle Souza Batista é vítima de esfaqueamento em Rio Verde — Foto: Polícia Civil de Goiás/Divulgação

Uma adolescente de 15 anos foi apreendida na tarde da última terça-feira (10), suspeita de matar Emanuelle Souza Batista, de 14 anos, em Rio Verde, no Sudoeste do Estado. Segundo a Polícia Civil (PC), a vítima foi morta com 35 facadas no último dia 14 de janeiro.

 

O delegado à frente das investigações, Danilo Fabiano Carvalho Oliveira, contou que a menor confessou o crime. Ela foi apreendida na própria cidade após a confecção de um mandado de internação provisória. Ele pontou que as duas estavam brigadas por causa de um namorado. Além disso, a adolescente alegou que a outra falava mal dela nas redes sociais e que esta teria sido a motivação para premeditação do crime.

 

 

Segundo Danilo, um laudo apontou que a vítima foi atingida, principalmente, nas regiões do tórax, pescoço e costas. No dia seguinte ao assassinato, a adolescente ateou fogo no corpo da menor e enterrou a faca utilizada no crime no quintal da própria casa. Nenhuma das vítimas tinha antecedentes criminais.

 

“A investigação ainda não acabou. A princípio, não há registros que identifique um partícipe, mas ainda faltam algumas etapas para a conclusão do inquérito. Ela será autuada por ato infracional análogo a homicídio por motivo fútil. Enquanto isso, ela continua apreendida na delegacia”, finalizou o delegado.

 

Conforme a adolescente afirmou à Polícia, no dia do crime ela simulou uma história para atrair à vítima até um matagal, localizado no Bairro Veneza. De acordo com as investigações, a jovem disse que no local haviam drogas enterradas e que, se Emanuelle ajudasse, poderia ficar com parte dos entorpecentes. Ao chegar no local, entretanto, foi morta.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Barra do Garças - MT
Atualizado às 10h10
29°
Alguma nebulosidade Máxima: 31° - Mínima: 23°
33°

Sensação

7.6 km/h

Vento

70%

Umidade

Fonte: Climatempo
Municípios
Últimas notícias
Mais lidas
Anúncio